Hölderlin’s Theory of Tragedy

Autores

  • Christoph Jamme Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Brasil

Resumo

This article examines some theoretical texts of Hölderlin on the function and historical task of tragedies, esp. the Grund zum Empedokles and the annotations to Sophocles. The tragedy is for Hölderlin a form of transition from antiquity to modernity. Through the individual tragical the historical occurs.

Biografia do Autor

Christoph Jamme, Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Brasil

Graduação em Filosofia pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (1982-1985); Especialização em Filosofia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1996); Mestrado em Filosofia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1987-1990); Doutorado em Filosofia pela Freie Universität Berlin (1991-1996); Pós-Doutorado em Filosofia pela Albert-Ludwigs-Universität Freiburg (2008-2009); Pós-Doutorado em Filosofia pela Technischen Universität Berlin (2014-2015)

Downloads

Publicado

2021-05-09

Edição

Seção

Artigos